Notícias

Gestão logística na indústria faz a diferença

Nesta terça-feira, dia 7 de novembro de 2017, foi realizado no Tom Brasil em São Paulo o Prêmio Automação GS1. O evento foi criado em 1998 para estimular a excelência na prestação de serviços e hoje se consolida como referência em inovação, gestão e empreendedorismo.
 
A empresa Via Marte foi a vencedora do prêmio na categoria Gestão Logística na Indústria. Desde 2003, a Via Marte é usuária dos padrões GS1, aplicando o SSCC (Serial Shipping Container Code) nas unidades logísticas despachadas de suas fábricas.
 
Até fevereiro de 2016, as unidades logísticas recebiam certificação eletrônica por meio do cruzamento da leitura dos códigos de barras contidos nos volumes versus o SSCC. A partir de investimentos em leitores bidimensionais, também conhecidos como 2D, e da adição da impressão GS1 DataMatrix na etiqueta de identificação dos calçados, a empresa migrou esta verificação para uma na qual cada GTIN (Global Trade Item Number), mais o número de série do par (SGTIN), é cruzado com o número de série da unidade logística, o SSCC.
 
A motivação primária para a adoção do SGTIN foi a necessidade de melhorar os controles internos para garantir maior precisão na rastreabilidade dos calçados. O novo processo ajudou a reduzir problemas da manufatura, reforçou a organização interna da empresa e melhorou o relacionamento com logistas e consumidores finais.
 
O retorno do investimento ocorreu antes do término do primeiro ano da aposta. A companhia conseguiu mitigar, diariamente, em torno de 3% a 4% de erros no fechamento das unidades logísticas (picking). Além disso, o despacho correto passou a garantir uma avaliação positiva da Via Marte na visão do cliente, acelerou os processos em todos os elos da cadeia e eliminou custos de reentrega.

 

 

Fonte: Revista Brasil em Códigos/GS1