Notícias

Abertura da Fimec teve presença do governador do Estado

A abertura oficial da 42ª Fimec (Feira Internacional de Couros, Produtos Químicos, Componentes, Máquinas e Equipamentos para Calçados e Curtumes), ocorrida ontem (6), em Novo Hamburgo/RS,  contou pela primeira vez com a presença do governador do Rio Grande do Sul José Ivo Sartori. Falando para uma plateia de autoridades e empresários, o político falou sobre o momento atual da economia do Estado e do Brasil. A Fimec conta com 530 expositores da indústria de base para fabricantes de calçados e acontece até amanhã na Fenac.

Na oportunidade, Sartori ressaltou que existe uma “luz no fim do túnel”, mas que o momento ainda é muito complicado para a economia gaúcha. “Queremos e estamos mudando o nosso Estado, mas para que isso ocorra, de fato, é preciso mudar o nosso estado de espírito. Deixar de lado o pessimismo, as brigas ideológicas e os ranços políticos e voltar a acreditar e a trabalhar pelo futuro do Rio Grande do Sul”, disse. O mandatário elogiou ainda a realização da Fimec, que segundo ele demonstra a força dos industriais. 

Marcio Jung, diretor-presidente da Fenac, por sua vez, reforçou o trabalho em equipe realizado em conjunto com as entidades do setor para que a feira tomasse a proporção e relevância que tem hoje. “O trabalho em conjunto contribui muito para o sucesso do evento. Acredito que a Fimec é uma ferramenta para criar relações duradouras”, afirmou Jung.

Representando as entidades parceiras da mostra, nesta edição a Associação Brasileira das Máquinas e Equipamentos para os Setores do Couro, Calçados e Afins (Abrameq) foi responsável pelo discurso de abertura. Marlos Schmidt, presidente da entidade, falou da importância do setor. “A Fimec 2018, através dos expositores, apresenta uma diversidade de oportunidades, que farão do nosso setor protagonista em atitude”, afirmou o dirigente. 

A solenidade também contou com a presença da prefeita de Novo Hamburgo, Fátima Daudt; do deputado estadual Lucas Redecker; do presidente-executivo da Associação Brasileira das Indústrias de Calçados (Abicalçados), Heitor Klein; do presidente da Associação Brasileira de Empresas de Componentes para Couro, Calçados e Artefatos (Assintecal), Milton Killing; do presidente-executivo do Centro das Indústrias de Curtumes do Brasil (CICB), José Fernando Bello; do presidente da Associação Brasileira dos Químicos e Técnicos da Indústria do Couro (Abqtic), Alexandre Finkler; do presidente da Associação Comercial e Industrial (ACI NH/CB/EV), Marcelo Lauxen Keh;l e do presidente-executivo da Associação das Indústrias de Curtumes do Rio Grande do Sul (AICSul), Moacir Berger.

Abicalçados
A Abicalçados participa da 42ª edição da Fimec com a apresentação do Sistema de Operações Logísticas Automatizadas (SOLA) e com as rodadas de negócios do FF Exchange.

O consultor da Abicalçados, Igor Hoelscher, explica que o SOLA será apresentado em tempo real, durante a produção realizada na Fábrica Conceito, nos pavilhões da Fenac. “Durante os três dias da mostra, estaremos com um estande institucional, explicando o funcionamento do SOLA, metodologia que visa integrar a cadeia coureiro-calçadista por meio da padronização e qualidade de dados”, conta.  Durante o evento, o sistema fará o gerenciamento e monitoramento de todas as informações da produção da Fábrica, com rastreabilidade total do processo. “Desta forma, o visitante poderá acompanhar os resultados da fabricação de calçados, seja nos monitores da fábrica ou no seu próprio celular, através do acesso por um link que será disponibilizado durante os dias da feira “. 

O consultor destaca, ainda, que o processo, além de melhorar os resultados pela eficácia, reduz custos com a mão de obra envolvida. “Uma empresa que utiliza a automação consegue reduzir em 25% o número de colaboradores envolvidos apenas no setor de expedição, isso além de praticamente zerar o número de erros no controle de estoques e separação de mercadorias”, acrescenta Hoelscher. 

Também durante a Fimec, no dia 7, a Abicalçados e entidades parceiras (Assintecal, CICB e Abrameq) promovem mais uma edição do FF Exchange, rodada de negócios que nesta oportunidade acontece entre calçadistas (âncoras) e fornecedores de couros e máquinas.  As rodadas de negócios propostas pelo FF Exchange acontecem no modelo speed dating, pelo qual as empresas têm de três a cinco minutos para apresentarem os seus serviços para os potenciais clientes. 


Serviço
42ª Feira Internacional de Couros, Produtos Químicos, Componentes, Máquinas e Equipamentos para Calçados e Curtumes (Fimec);
Onde? Fenac, em Novo Hamburgo/RS;
Quando? 6 a 8 de março;
Abicalçados participa? Com apresentação do SOLA e realização do FF Exchange - rodadas de negócios entre calçadistas e fornecedores de couros e máquinas.
 

 

 

 

Foto: Divulgação/Fimec